Pastor que morreu, escreveu que iria ressucitar no terceiro dia e desfecho está repercutindo na web

PUBLICIDADE

O corpo do pastor identificado como Huber Carlos Rodrigues, que havia escrito que iria ressuscitar depois de três dias, foi enterrado na madrugada desta terça-feira, 26 de outubro, na região sul de Goiás. Diversas pessoas estiveram presente em seu enterro. O corpo dele encontrava-se na funerária desde a última sexta-feira, 22 de outubro.

Gravações de vídeos mostram uma multidão aguardando. Cantaram para homenagear o pastor Huder. O sepultamento ocorreu às 0h30.

PUBLICIDADE

Huder veio a falecer devido a complicações cardiorrespiratórias em um hospital de Itumbiara, que fica a 55 km de Goiatuba. No documento que havia sido assinado no ano de 2008, Huder dizia que havia tido divinas revelações do Espírito Sabto e que iria passar por um “mistério de Deus”, onde ele iria ressuscitar às 23h30, três dias depois de seu falecimento. O prazo acabou na noite da última segunda-feira, 25 de outubro.

Foi escrito no documento pelo pastor que sua integridade física deveria ter totalmente preservada, pois ele iria ficar morto por três dias, e no terceiro iria ressuscitar. Ainda disse que seu corpo durante esses três dias não iria ter mau cheiro e nem começará a decompor, pois Deus irá ter preparado tudo para que ele pudesse passar por essa experiência.

PUBLICIDADE

Essa declaração teve assinatura de duas testemunhas na época. Depois de seu falecimento, o corpo do pastor permaneceu em um lugar refrigerado da funerária. Os três dias foram esperados, pois foi um pedido dos familiares.

Via: g1.globo.com

PUBLICIDADE

Escrito por Redator Seguindo News

Escrevo sobre os mais diversos temas. Prezo pela parceria com os publishers. Os divulgadores que precisam de matérias específicas podem solicitar.