Homem suspeito de vazar vídeo íntimo de Natália, do BBB22, nega crime e diz estar recebendo ameaças de morte

PUBLICIDADE

O vídeo foi divulgado na última terça-feira, 19 de janeiro, e espalhado atráves de todas as redes socias. Ao ficarem sabendo dos fatos, os familiares da designer de unhas e modelo procuraram a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, localizada em Belo Horizonte (BH), para que pudessem fazer um boletim de ocorrência.

No boletim de ocorrência tem o nome do homem e seu número de telefone, que, supostamente, teria sido utilizado para vazar o vídeo íntimo de Natália.

PUBLICIDADE

No registro das autoridades, consta que o homem suspeito já tinha ameaçado vazar o vídeo há dois anos atrás. No entanto, na época, ele não o fez, porém teria vazado a gravação nas redes sociais depois que Natália entrou para edição deste ano do Big Brother Brasil.

Já na versão do dele, ele conta que teve um relacionamento com Natália que durou 11 meses, e a relação foi terminadano mês de janeiro de 2020. Na época, ele teria descoberto traições por parte de Natália e teria feito ameaças de expôr o que a jovem havia feito com ele.

PUBLICIDADE

Natália Deodato foi uma das participantes que mais recebeu voto da casa e está disputando sua permanência no casa com a cantora Naiara Azevedo e Luciano. A eliminação de um deles acontecerá nesta terça-feira, 25 de janeiro.

Na segunda-feira, 24 de janeiro, a Polícia Civil deu informações de que o homem irá ser intimado para prestar depoimentos nos próximos dias.

PUBLICIDADE

Escrito por Redator Seguindo News

Escrevo sobre os mais diversos temas. Prezo pela parceria com os publishers. Os divulgadores que precisam de matérias específicas podem solicitar.