Fernanda Brum faz reflexão para a vida de quem se sente desesperado, ao celebrar resgate dos meninos na caverna

Nesta terça-feira dia 10 de Julho, a pastora Fernanda Brum comemorou a retirada dos 12 meninos e do técnico que estavam presos em uma caverna. Ao comemorar o sucesso da operação realizada pelas equipes de resgate, a pastora fez uma reflexão profunda sobre essa situação e a comparou com as dificuldades que muitos vivem em seu dia-a-dia.

De onde estamos sendo resgatados hoje? Qual foi a caverna que desabou sobre nós durante a grande tempestade? Onde você procurava abrigo e acabou ficando preso? Se você não cumpriu seu propósito na Terra ainda, Deus ainda tem muitos planos com você, creia que os anjos virão!

A pastora Fernanda Brum, também afirmou que todas as coisas acontecem no tempo de Deus e deixou bem claro que se ainda não é chegada a hora de ir para os braços do pai, Ele nos dá a chance de nascer de novo, ele sempre vem em resgate a nossa vida, trazendo livramento e grande conforto ao nosso coração, Deus é bom e vale a pena confiar nele em qualquer situação, portanto não desanime, continue firme, confiante, a ajuda vai chegar.

PUBLICIDADE

Do escuro de uma caverna, ou do “útero” do fundo dos mares, “não existência”. Assim como fez com Jonas, Deus ele nos busca como um escafandrista faz para buscar pérolas e nos dá mais uma chance, uma nova oportunidade. Se tudo já se cumpriu, pode ser que Ele nos prefira lá, em Seus braços de amor, perto dele. Mas se ainda tivermos uma “Nínive” para pregar, os mares, as cavernas e os grandes peixes serão obrigados a vomitar nossas vidas de dentro deles. Serão obrigados a dar à luz a nossa nova estação de renascimento físico e emocional! Porque confiamos em paz que nenhuma profundidade nem altura poderá nos separar do amor de Deus. Alguém virá por nós, ele mandará alguém para nos ajudar! Aguente firme! O socorro já vem!

Esperei com paciência no Senhor, ele se inclinou para mim e ouviu o meu clamor, me tirou de um lago horrível de lama, dum charco de lodo, pôs os meus pés sobre uma rocha, firmou os meus passos.

E pôs um novo cântico na minha boca, um hino de louvor ao nosso Deus, muitos o verão, e temerão, e confiarão no Senhor. Salmos 40:2,3

PUBLICIDADE

 

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE